Jesus, Feliciano e Protesto com Beijo Lésbico

A grande maioria das pessoas tomou conhecimento do protesto que duas jovens fizerem em um culto do pastor e deputado Marcos Feliciano. Resumindo a história: Elas começaram a se beijar acintosamente e ao sentir-se provocado, Feliciano chamou a guarda municipal para retirar as meninas. Do ponto de vista humano, nada de mais, pois realmente é função da guarda municipal impedir desordem e a atitude foi bastante provocatória. No entanto uma reflexão se faz necessária: como Jesus reagiria em situação semelhante?

Antes da reflexão, é forçoso admitir que não sei como reagiria em uma situação dessas. Você se depara com um problema e tem apenas uma fração de segundos para decidir. Normalmente somos impulsivos e nossa capacidade de racionar fica prejudicada, no entanto creio que seja nosso dever como cristãos reagir de maneira cada vez mais próxima daquela que Jesus teria.

É necessário buscar situações parecidas na Bíblia e o relacionamento dele com a pecadora em vias de ser apedrejada parece ser a mais próxima.

Visto que continuavam a interrogá-lo, ele se levantou e lhes disse: “Se algum de vocês estiver sem pecado, seja o primeiro a atirar pedra nela”.
João 8:7

É bastante possível que Jesus parasse  o culto, se dirigiria às duas, formando um circulo, protegendo as duas da multidão. Com sua doçura costumeira teria olhado profundamente para elas e teria dito algo assim: “Eu conheço vocês desde o dia em que vocês nasceram, eu sei do vazio que vocês sentem no coração e conheço todas as coisas que vocês tentaram fazer pra preencher este vazio. Vocês são como a samaritana que procurou a felicidade em oito homens diferentes e não encontrou. Vocês estão sedentas e nem sabem quem está diante de vocês, pois se soubessem pediriam e eu lhes daria de beber.”

Jesus também olharia para a multudão e diria: “e vocês que estão aqui e me chamam de Senhor, muitos jamais me coonheceram e estão tão sedentos quanto ela. “aquele que quiser vir após mim, tome sua cruz e siga-me”. Ah se vocês soubessem o que significa “misericórdia quero e não sacrifício  não condenariam os inocentes.”

Jesus se voltaria para as moças e diria: voltem para casa e não pequem mais!

Elas sairiam totalmente transformadas pelo amor de Deus e nunca saberíamos porque isso jamais teria se tornado notícia. Jesus conhecia profundamente o coração humano, suas falhas e suas mazelas. Conhece as inquietações do coração, seus medos e o ponto exato que nos separa de Deus. precisamos rever nossos métodos. Apenas teologia não é capaz de transformar vidas, somente o amor pode atrair a humanidade a Cristo. Feliciano perdeu uma oportunidade de demonstrar esse amor, mas quantas nós perdemos todos os dias. Antes que você fale que não somos Jesus e é impossível agir como ele, lembro de uma passagem no livro A cruz e o Punhal na qual o pastor David Wilkerson é ameaçado de morte por um membro de uma gangue em Nova York, e ele sem titubear fala que mesmo se fosse picado em pedacinhos, cada pequena parte ainda continuaria amando o menino. Este andou nos passos de Jesus e como ele muitos outros. Precisamos buscar este nível de espiritualidade em nossas vidas.

Julgar é fácil, difícil é seguir o exemplo de Jesus, amando os pecadores e os conduzindo a salvação. Não existem desculpas, quem segue Cristo precisa andar da maneira como ele andou. Precisamos aprender a controlar nossos impulsos, a fim de realmente sermos servos úteis de Jesus.

Em Cristo

Silvio Barbosa

Faça uma dieta pra Deus

“Seria este o jejum que eu escolheria, que o homem um dia aflija a sua alma, que incline a sua cabeça como o junco, e estenda debaixo de si saco e cinza? Chamarias tu a isto jejum e dia aprazível ao Senhor?”


O Jejum, apesar de ter diminuído em frequência  é uma prática bastante comum em nossas igrejas. Normalmente é praticado abstendo-se de uma ou duas refeições. Não questiono a validade da disciplina pessoal, no entanto temo que muitos realmente jejuam sem ter ideia do que estão fazendo.

Antes de mais nada permita que exponha um pouco  do que penso a respeito do jejum. 1. Não comer não torna ninguém mais santo do que outros. 2. Jejum é um disciplina espiritual, fortemente ligada ao domínio próprio. 3. Tem como característica a negação da carne, portanto torna-se simbolo de nosso desapego ao ego. Visto dessa forma o Jejum é de muita utilidade, porém não tem sido praticado dessa maneira. Alguém acredita que está agradando a Deus ao ficar um dia inteiro sem comer, para em uma refeição comer muito mais do que em um dia inteiro?

Precisamos ser inteligentes em nossa vida espiritual. O que você julga que Deus prefere: um dia sem comer ou a escolha voluntária por ingerir a metade dos alimentos que normalmente consumiríamos por 40 dias ou mais? A gula é considerada pecado na Bíblia, assim como qualquer coisa que nos prenda ou nos domine. Se somos escravos da comida, não estamos servindo a Deus.



Não me entenda mal, gosto de comer, não vejo problema nenhum em comer bem, contudo precisamos controlar nossa alimentação, e não sermos controlados por ela. Quando você escolhe comer menos, isso certamente irá refletir no seu peso, então será que existe melhor regime do que exercitar o domínio próprio? 

As vezes nós complicamos demais a vida cristã. estabelecemos metas inatingíveis. Somos como os fariseus descritos por Paulo como “zelosos, mas sem entendimento”. Peça a Deus nesse momento que ajude você a desenvolver o auto-controle, pois é através dele que você dirá não parra seu ego todos os dias. “Posso todas as coisas, mas não serei dominado por nenhuma”. Então, faça uma dieta pra Deus e veja o poder espiritual que ele derramará na sua vida.

Em Cristo
Silvio Barbosa

Conhecimento e Atitude

Existe um conceito muito comum em nossas igrejas de que a Bíblia não nos foi dada para obtermos conhecimento, mas sim para transformar nossas vidas. Em uma análise rasa, a frase é perfeita, pois o objetivo final da palavra de Deus é sempre a transformação do indivíduo, no entanto é perfeitamente bíblico que essa transformação se opera através do conhecimento da revelação eterna.

“Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.”


“E conhecerão a verdade, e a verdade os libertará”.


Muito se tem falado de atitude cristã em oposição àqueles que tem apenas conhecimento mecânico das escrituras, no entanto este pensamento levado ao extremo tem produzido crentes bem dispostos, mas incapazes de atingir a maturidade cristã e inaptos para levar outros a cristo. Não é a toa que muitos tem se tornado apenas ponte entre os incrédulos e o pastor da igreja, pois se perguntados sobre a razão de sua esperança, são incapazes de demonstrá-la claramente.

É bastante sintomático que a maturidade da igreja tem diminuído na direta proporção que tem diminuído a frequência aos encontros de ensino e discipulado. Muitos líderes não tem interesse no desenvolvimento intelectual de seus liderados, pois um povo não instruído é mais fácil de manipular. Não se engane, Deus distribuiu os dons de pastores e mestres para que a igreja cresça em conhecimento e assim possa atingir a maturidade plena,  a estatura de homem perfeito  O conhecimento não é inimigo da atitude cristã, mas sim sua base e seu combustível.

Obviamente conhecimento pelo conhecimento não gera frutos, no entanto divorciar teoria e prática pode gerar resultados destruidores na igreja. Hoje muitos tem medo de discordar, de debater, mas essa é a forma como o conhecimento é aprimorado. Paulo questionava Pedro publicamento. Os Corintios pediam instrução a Paulo. As cartas do novo testamento são  essencialmente didáticas. Os evangelhos foram dados para que conhecêssemos os fatos da salvação. Você acha realmente possível ser cristão sem buscar conhecimento? Até mesmo o Espírito Santo nos é dado na forma de professor.

Mas o Conselheiro, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, lhes ensinará todas as coisas e lhes fará lembrar tudo o que eu lhes disse.


Você ainda acha possível? Não tente se enganar, se você não buscar o conhecimento, certamente acabará dominado por algum líder inescrupuloso que a Bíblia descreve como lobo voraz. Estude, leia, busque saber o máximo possível acerca dos fatos da fé, pois com certeza será de muita utilidade, como para Timóteo que fora instruído em toda a escritura. E lembre-se que aquilo que você sabe, ninguém jamais será capaz de roubar.


Em Cristo

Silvio Barbosa