Heróis da fé que desconhecemos

2 Sm 23:8 “Estes são os nomes dos poderosos que Davi teve: Josebe-Bassebete, filho de Taquemoni, o principal dos capitães; este era Adino, o eznita, que se opusera a oitocentos, e os feriu de uma vez.”

Existem dezenas de personagens quase desconhecidos por nós nas escrituras, no entanto com muitas histórias a serem contadas. Rápidas aparições, citações em genealogias, mas sem muito aprofundamento. O fato é que muitos dos heróis da fé nos são desconhecidos. Deus tem feito muito no mundo através de pessoas que ignoramos completamente sua existência.

Há duas semanas minha sogra faleceu. Momentos de grande tristeza para a família, foram temperados com uma verdadeira multidão que pessoas chegando ao velório e contando histórias de como aquela mulher havia feito diferença na vida deles. O vizinho da frente lembrava do primeiro dia em que chegou na rua, contando como ela falou de Jesus para ele e de como pacientemente continuou falando por anos até que ele se convertesse.

Durante o período da doença, muitos lembravam do tempo em que ela levava as filhas para visitar enfermos, sempre levando a mensagem capaz de trazer salvação. Ninguém passava perto dela sem ouvir algo de Deus, sem que de alguma maneira ela tentasse mostrar o como Jesus era bom e digno de ser adorado.

Ao longo do período em que ficou gravemente doente, manteve a fé, sempre acreditando que Deus a restauraria, a curaria. Nunca deixou de orar. Por ela, pela cidade, pelo mundo… banhou suas noites e dias com muito clamor e súplica, nunca esquecendo daqueles que não conheciam a Deus. Na última imagem que tenho dela viva, lembro de uma mulher bastante fraca pela doença, mas orando, louvando e querendo conhecer a Deus acima de tudo. De forma diferente do que poderíamos prever, Deus atendeu suas orações: hoje ela tem conhecimento pleno de Deus por estar ao lado dele.

Você pode não conhecer Nadia Costuk Ignatowicz, mas Deus com certeza observou cada um de seus dias, alegre pela fidelidade que ela sempre demonstrou. Suas marcas permanecerão nas filhas, no marido e em cada pessoas que cruzou seu caminho. Ninguém saía da presença dela sem um confronto com a verdade eterna. É com certeza uma heroína da fé que talvez você nunca soubesse da existência  assim como muitos que tem sido fiéis sem fazer alarde. Que esse exemplo nos faça realmente trilhar o caminho da fidelidade, sabendo que “nossa obra não é vã no Senhor”, pois se ninguém valorizar nossas obras aqui na terra, com certeza temos um Deus que sabe nos recompensar e que nos dará o descanso da canseira dessa vida.

Em Cristo

Silvio Barbosa